OTIMISMO MARCA A NOVA ALTA TEMPORADA NO TURISMO


Foto: Raphael Muller | Ag. A TARDE


A alta temporada turística desembarca na Bahia com o mês de outubro, mas o aumento no fluxo de visitantes vem sendo notado desde meados de setembro. Entre passeios pelas ruas e museus do Centro Histórico, mergulhos no mar, shows noturnos e esticadas até as praias fora da capital, os turistas justificam o otimismo do setor, que espera superar o desempenho do período 2019/2020, o último antes da pandemia de covid-19.



Após 15 dias entre Morro de São Paulo e visitas a parentes em cidades do interior, o advogado aposentado Joilson Guimarães, 66 anos, visitava o Mercado Modelo na última quinta-feira, acompanhado da esposa Marli e de um primo que servia de guia.


Em sua segunda visita a Salvador desde que saiu da Bahia para morar em São Paulo, o fã de Jorge Amado incluiu a Casa do Rio Vermelho, onde o escritor viveu, no seu roteiro do penúltimo dia da viagem.

Em meio à sua primeira viagem à Bahia, a estudante Ohana Colombo, 28, aproveitou a visita ao Mercado Modelo para comprar uma bolsa e destacou o acolhimento encontrado em todos os lugares. Até aquele momento, seus locais preferidos eram o Farol da Barra e a Praia do Forte, para onde fez um bate e volta. Hospedada em Stella Maris, ela contou ter conseguido uma excelente promoção de passagem aérea.



No cruzeiro de São Francisco, o clima de aquecimento para a alta temporada ficava evidente no grupo de quase 70 estudantes de Esplanada trazidos pela escola para conhecer o Centro Histórico e saber mais sobre as origens do seu estado. Na sequência, ainda antes das 11 horas, o cortejo da lavagem do Mercado São Miguel (Barroquinha) motivou turistas e locais a filmarem a passagem festiva das imagens do santo que nomeia o mercado e a de Santa Bárbara.


Expectativa


A expectativa positiva é sustentada pelos números registrados atualmente no segmento, como a ocupação hoteleira correspondente a 95% do registrado no mesmo período de 2019, antes da pandemia, informada pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis da Bahia (ABIH-BA). Nos últimos meses de maio e junho, a ocupação até superou os percentuais anteriores à covid-19.


Segundo o presidente da ABIH-BA, Luciano Lopes, durante a alta temporada a ocupação média fica em torno de 70%, número que deve ser alcançado. Como a pandemia mudou o ritmo na programação das viagens, reduzindo a antecedência, avalia Lopes, as reservas atuais não refletem o potencial para o período.


“As pessoas estão comprando 30 dias, 15 dias antes, até esperando por uma redução no preço das passagens”, comenta.


“Estão acontecendo algumas ações que fazem com que a Bahia tenha preferência, os destinos do interior estão sendo muito procurados também, além dos de Salvador”, afirma o presidente da Associação Brasileira das Agências de Viagem da Bahia (Abav-BA), Jean Paul Gonze.

Entre os locais mais procurados fora da capital, ele destaca a Chapada Diamantina, com novo fôlego após a inauguração de uma grande vinícola, Morro de São Paulo, Porto Seguro e Itacaré.


Para Gonze, o interesse por Salvador foi incrementado nos últimos anos com a abertura de museus como o dedicado à música, diversificação da gastronomia - acompanhada de divulgação mais intensa -, e ampliação da religiosidade como atrativo, a partir da canonização da Santa Dulce. Na expectativa por um carnaval com número recorde de turistas, ele destaca a participação dos visitantes nos ensaios pré-carnavalescos que logo começarão a acontecer.


O Litoral Norte, com seus resorts, tem se mantido forte, pois oferece boas praias, segurança e muitas opções de lazer para toda a família, lembra o presidente da Abav-BA. Uma das atrações da região, a Costa do Sauipe já vendeu quase todos os seus pacotes para o réveillon, restando poucas vagas, segundo o gerente geral de Marketing e Vendas, Miguel Diniz.


Diniz aponta que as reservas para janeiro do próximo ano já estão 28% maior do que o registrado ano passado no mesmo período, e a expectativa é que o início de 2023 alcance a ocupação habitual de antes da pandemia.


“A gente está preparando programações especiais para as férias de verão”, conta.


Voos diversos


Uma das portas de entrada para os turistas com destino a Salvador e o Litoral Norte, entre outros lugares, o Salvador Bahia Airport está recebendo voos de origens cada vez mais diversas.


O gerente de Marketing e Promoção Aérea, Marcus Campos, ressalta que o aeroporto deve ganhar quatro novos trechos até janeiro de 2023, totalizando mais de 40 destinos nacionais sendo oferecidos.

No contexto internacional, Campos destaca que o início de 2023 será marcado pela volta do voo para Montevidéu, capital uruguaia, que não operava desde 2016. “A gente tem recebido, de forma crescente, turistas do Uruguai vindo para as praias da Bahia”, conta. Atualmente é possível viajar para Madri (ES), Lisboa (PT) e Buenos Aires (AR) partindo de Salvador sem a necessidade de conexão.



Fonte: https://atarde.com.br/bahia/otimismo-marca-a-nova-alta-temporada-no-turismo-1208748


2 visualizações0 comentário