top of page
site-sma.png

PRESENTE DE AMARALINA SERÁ REALIZADO NO PRÓXIMO DOMINGO (22)




O som do ijexá e o rufar dos atabaques prometem dar o ritmo da festa


A praia de Amaralina voltará a sediar a tradicional Festa dos Pescadores. Habitualmente feito no segundo domingo de janeiro, o evento desta vez vai acontecer no próximo dia 22 de janeiro.


O festejo realizado pela Colônia de Pescadores de Amaralina há quase 50 anos vai reunir representantes do povo de santo da região, além de simpatizantes e curiosos, que acompanharão o cortejo e a entrega do presente à Rainha das Águas.

A programação completa da festa será divulgada no decorrer desta semana. A Festa dos Pescadores de Amaralina terá apoio da Afrotour e do Nordesteusou.


HISTÓRIA – De acordo com relato de moradores mais antigos da região a tradição começou na década de 70, quando a construção de um emissário submarino no Largo da Mariquita, no Rio Vermelho, provocou a mudança de local da colônia de pesca do bairro. Os pescadores então se dividiram: enquanto uma parte migrou para o Largo de Santana, um outro grupo se alojou em Amaralina. Surgiu assim a colônia de pesca Z1.


Os "trabalhadores do mar" assentados na nova colônia resolveram criar o presente de Amaralina, em paralelo à Festa de Iemanjá. A data escolhida foi o primeiro domingo após a lavagem do Bonfim.


No livro “ Traços e Laços – Memórias da Região do Nordeste de Amaralina”, Dona Carmelita Santos, antiga moradora do bairro e frequentadora assídua da celebração, explica que “a festa do Rio Vermelho era “beber e se divertir”, e na Amaralina para dar o presente a Iemanjá”.


Entre o final dos anos setenta e medo dos anos 90 a entrega do presente de Amaralina era cercada de grande expectativa na comunidade.

Palco, barracas de bebidas e comidas movimentava toda a região da praia. O sagrado e o profano se misturavam. O alvoroço começava no sábado à noite e culminava com a entrega dos balaios no meio da tarde de domingo.

bottom of page