PREFEITURA APRESENTA VERÃO SALVADOR 2022/2023 AO MERCADO NACIONAL DURANTE EVENTO EM SÃO PAULO


Fotos: Divulgação


O melhor verão do mundo voltou e, para mostrar um pouco do que faz a primeira capital do Brasil ser um lugar especial, a Prefeitura de Salvador, em uma parceria com a revista Quem, realizou evento voltado para o mercado nacional na noite desta sexta-feira (18), no Tokio Marine Hall, em São Paulo.


A ação, que teve como principal objetivo consolidar a capital baiana como primeiro destino turístico do verão brasileiro, contou com a presença da secretária de Cultura e Turismo (Secult), Andréa Mendonça, e do presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, além de outros gestores municipais, representantes do trade turístico, publicitários, empresários, investidores de negócios, autoridades, artistas, celebridades e imprensa.


O prefeito destacou que o melhor verão do Brasil está de volta.


“A expectativa é muito grande do nosso povo em receber milhares de visitantes de todos os cantos, que vão ver uma nova cidade, muito mais bonita e bem cuidada, com a orla e os pontos turísticos requalificados, com o patrimônio histórico e cultural recuperado, equipamentos como o novo aeroporto e o novo Centro de Convenções, que encanta a todos pela sua capacidade e pelo jeito próprio de ser. Queremos convidar aos brasileiros para irem às nossas festas, como os cinco dias de Virada Salvador e os dez dias de Carnaval, que volta com toda a força em 2023. Com certeza, a chegada de todos será motivo de muita alegria”, declarou Bruno Reis.

A capital do verão contará com um canal único, por meio do qual será possível a conexão com toda a experiência que o turista e o próprio soteropolitano possam ter em Salvador. O site www.salvadordabahia.com é uma plataforma em que podem ser encontrados roteiros gastronômicos, de lazer, cultura, música, agenda de shows e eventos, história e curiosidades sobre a cidade. Um lugar onde será possível se planejar e organizar as melhores experiências em Salvador – a estimativa é de que a capital baiana tenha cerca de mil eventos apenas na alta estação.


O chefe do Executivo soteropolitano destacou ainda pontos que tornam a cidade uma referência para o turismo nacional, como, por exemplo, o fato de a capital ter a maior baía navegável do Brasil e a maior orla atlântica do país, uma rica gastronomia, infraestrutura hoteleira, aeroporto moderno, novo centro de convenções, museus e espaços culturais modernos e inovadores. Em uma estimativa para o verão, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) acredita que o crescimento de visitantes poderá chegar até 10% ao mês, entre dezembro de 2022 e março de 2023, no cenário mais otimista. Esta projeção indica que cerca de 3,4 milhões de turistas devem visitar Salvador durante o próximo verão, sendo superior em relação ao mesmo período do ano passado em, aproximadamente, 16%.


Outros dois temas são essenciais para o fortalecimento de Salvador em suas maiores referências culturais. O primeiro é o fato de que a capital da Bahia mantém, por seis anos consecutivos, o título de Cidade da Música, concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).


Neste sentido, Salvador conta com uma série de ações que tornam a experiência na capital baiana uma certeza de encontro com a musicalidade de forma muito especial, seja em shows, eventos ou mesmo em equipamentos culturais, como a Cidade da Música da Bahia, voltada para a história da produção musical no estado, e a Casa do Carnaval da Bahia, primeira estrutura com acervo voltado especificamente para uma das maiores festas populares de rua do planeta.


Outra iniciativa é o movimento Salvador Capital Afro, uma ação articulada para fortalecer a cultura afro e desenvolver o afroturismo, posicionando a cidade como destino destaque no segmento. Para isso, estão sendo realizadas capacitações, mentorias e até mesmo rodadas de negócios em segmentos como a gastronomia, artesanato, hospitalidade e turismo. O melhor verão do mundo também tem a maior festa de rua do planeta, o maior réveillon gratuito do Brasil e as mais lindas festas populares do país.


Festival Virada Salvador – A contagem regressiva para a maior festa de rua de Réveillon do país já começou. O Festival Virada Salvador é o único do mundo a contar com cinco dias de festa com shows de fogos todos os dias, entre 28 de dezembro e 1º de janeiro. Ao todo, o evento contará com cerca de 100 horas de música e deverá ter a participação de dois milhões de pessoas na Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio, orla da capital.


Além dos shows musicais e pirotécnicos, o Virada Salvador contará com um espaço especial de lazer com Skate Mania, Roda Gigante, Game e até mesmo “Divertilândia”, que reunirá tirolesa, rapel e carrossel. Outros atrativos são a Vila Gastronômica e a Feira Criativa.

A festa será comandada por grandes nomes da música baiana e também de referências nacionais em diferentes estilos musicais. No dia 28 de dezembro, quem sobe ao palco principal é o bloco afro Ilê Aiyê, os cantores Bell Marques e Nattan, o grupo É o Tchan, a cantora Ivete Sangalo e um dos expoentes do gênero piseiro, Tarcísio do Acordeon. Já no dia 29 os shows serão do DJ Alok, do sertanejo Gusttavo Lima, do axé da dupla Rafa e Pippo, o forró de Xand Avião, o pagode do Parangolé e a sofrência de Simone Mendes, em carreira solo. Para o dia 30, a programação conta com a animação de Durval Lélys, da dupla Jorge & Mateus, da batida percussiva do Psirico, e do forró-piseiro-sertanejo dos cantores Mari Fernandez, Vítor Fernandes e Thiago Brava.


A virada no dia 31 será comandada pela cantora Cláudia Leitte e o dia ainda conta com Lincoln, Léo Santana, Wesley Safadão, João Gomes, Zé Vaqueiro e Thiago Aquino. Para encerrar a maratona, no dia 1º, o clima da Bahia domina o palco com os shows de Daniela Mercury, Saulo, Olodum, Timbalada, Danniel Vieira e La Fúria.

A novidade da edição deste ano do Virada Salvador é a presença de um segundo palco, denominado Brisa, que levará aos soteropolitanos e turistas o frescor da nova música baiana. Entre os nomes já confirmados estão Afrocidade, Melly, Nêssa, Gibi e Sistema Pagotrap, em um total de 40 shows durante os cinco dias de festa.


Carnaval e festas populares – O prefeito também confirmou a realização das festas populares com público presencial, a exemplo da Lavagem do Bonfim e de Iemanjá, que voltam com tudo em 2023. Para a folia de Momo mais aguardada do país, dois eventos de pré-Carnaval vão acontecer nos dias 11 e 12 de fevereiro.


Chamados de Fuzuê e Furdunço, os projetos acontecem à tarde, respectivamente no sábado e domingo que antecedem a abertura oficial da festa, levando uma multidão de foliões fantasiados e famílias inteiras para o circuito Ondina-Barra. Na última edição, em 2019, os eventos contaram com a participação de 100 atrações.

Na terça-feira que antecede o Carnaval acontece o Pipoco, quando o cantor Léo Santana leva o folião pipoca novamente para as ruas da Barra em um show incrível sobre o trio elétrico. Os dias oficiais do Carnaval de Salvador são de 15 a 21 de fevereiro e prometem ser os mais grandiosos da história. A atração de abertura já foi confirmada: será a cantora Ivete Sangalo, que vai arrastar o público pipoca.


Salvador em São Paulo – Durante o evento, a Cidade da Música levou os ritmos produzidos na Bahia para a capital paulista. Como uma prévia do que o público encontrará na cidade na alta estação, o lançamento do Verão Salvador 2022/2023 contou com o show da musa Ivete Sangalo, que, além de agitar o espaço, reuniu as participações dos cantores Saulo, Léo Santana e Àttooxxá. Ao final, os convidados foram animados pelo som da música eletrônica de Telefunksoul.

1 visualização0 comentário