top of page
site-sma.png

MUNCAB APRESENTA: ORATÓRIO DE SANTO ANTÔNIO



Museu Nacional da Cultura Afro-Brasileira
Foto: Amanda Oliveira

Nesta terça-feira, dia 13 de junho, o Museu Nacional da Cultura Afro-Brasileira, conhecido como Muncab, localizado no Centro Histórico de Salvador, realizará a sétima edição anual do Oratório de Santo Antônio. O evento, que tem início às 17h, combina programação religiosa e festividades para homenagear o "santo casamenteiro" e "protetor dos pobres" português. Este ano, o Muncab presta uma homenagem especial aos santos cristãos negros, representados pela figura de Santo Antônio de Categeró, nas comemorações juninas.


O Oratório de Santo Antônio é uma celebração que une fé, cultura e solidariedade. Além de ser um momento de devoção ao santo, também é uma oportunidade de fortalecer os laços comunitários e valorizar a memória ancestral africana. O Muncab, um espaço dedicado à preservação e promoção da cultura afro-brasileira, incluiu pela primeira vez a reverência aos santos cristãos negros nas festividades juninas.

O evento, que já se tornou tradicional em Salvador, promete encantar os participantes com uma programação diversificada. A cerimônia religiosa contará com momentos de louvor, orações e procissão, proporcionando um ambiente propício para a reflexão espiritual e o fortalecimento da fé. Além disso, haverá apresentações artísticas, como danças típicas, manifestações culturais e performances musicais que celebrarão a riqueza da cultura afro-brasileira.


Durante o Oratório de Santo Antônio, o evento contará com um recital ecumênico emocionante realizado pelo Coral de Oratório de Santo Antônio, sob a regência do talentoso maestro e compositor baiano Keiler Rêgo. Será uma oportunidade única de apreciar a harmonia das vozes entoando cânticos de louvor e devoção.


Além disso, uma rifa beneficente será organizada para arrecadar fundos destinados ao projeto social Erês do Muncab. Esse projeto tem como objetivo promover atividades educativas e culturais voltadas ao público infanto-juvenil, enraizadas nas tradições afro-brasileiras, dentro das instituições públicas de ensino localizadas no Pelourinho de Salvador. Através desse projeto, as crianças e adolescentes têm a oportunidade de aprender sobre a cultura afro-brasileira, valorizando suas raízes e fortalecendo sua identidade.

Commentaires


bottom of page